Sonho cuiabano

07/04/2014 às 16:03

Cuiabá começa a contagem regressiva para comemorar os seus 300 anos mergulhada em sentimentos de angústia e incertezas quando ao seu futuro e à forma como o seu destino vem sendo conduzido.

A poesia traduz esta profusão de sentimentos contraditórios. Em seu livro Kyvaverá o poeta Ivens Cuiabano Scaff fala sobre o Sonho Cuiabano:

É nas noites mornas
ou mesmo quentes
quando os ventos exaustos
de soprar mundo afora
vêm aqui se aquietar
contaminados da quietude bororo
melhor dizendo Bóe, seu nome verdadeiro
Que se vai engendrando o sonho cuiabano

No vai e vem da rede
vai se tecendo o sonho
como foi a rede tecida
a tarrafa e o jacá
Com paciência e dedicação
assim foi tecido o crochê
de cima do piano
onde se tecem canções

Da suavidade das valsas e das modinhas
vai o sonho buscar a aspereza
do ganzá e da viola de cocho
tecendo um novo bailado
cururu, siriri e rasqueado

O luar tece mantilhas
debaixo dos mangueirais
entrando janela adentro
vãos de telhas e beirais

O rio é um sonho que passa
sem jamais cessar de passar
Por ele sonharam bandeiras
comerciantes, coronéis e estudantes
entre outros (tantos) navegantes
por muitos anos, meu pai

O sonho de ouro cuiabano
teve início com Sutil
foi guaná na alegria
foi herói no dia a dia
foi sua carta de alforria

E foi seguindo contente
por que o sonho cuiabano
é igual ao de toda a gente
seja grego ou troiano
europeu ou americano
irlandês ou indiano

Quer paz, quer pão
quer trabalho, condução
lazer e educação
Quer, acima de tudo,
saber que pode sonhar

Que o pesadelo existe
Não falemos de coisas tristes
elas se dissolvem como a bruma
à primeira luz da manhã

O sonho não
O sonho não se desfaz
Aliás, o sonho...
o sonho nos faz.


Embuídos deste sentimento, podemos chegar em 2019 respeitando esse sonho?

Ao assumir a cadeira número 7 da Academia Mato-grossense de Letras em concorrida e prestigiada posse no último dia 25 de março, o poeta é reconhecido como um representante da cuiabania. Sua obra poetica traduz o sentimento e a alma cuiabana, e pode ser conhecida em seu livro Kyvaverá, uma obra de cabeceira para "todas as pessoas a quem a simples menção do nome Cuiabá evoca vibrações felizes em seus corações".


Mais informações sobre o livro, neste link





« Volta





 

Fonte: Assessoria

Formas de Entrega

Formas de Pagamento

Cartões de Crédito

Débito Automático

Boleto bancário

e-box ShopSitevip Internet