Páginas240

Formato16 x 23 cm

PapelPólen

AcabamentoCosturado, brochura

ISBN978-85-7992-0131-5

SeloEntrelinhas

O BERRO DO CORDEIRO EM NOVA YORK

Tereza Albues tanto pode ser vista como escritora quanto uma força da natureza, pois sua prosa de ficção, tão rica e surpreendente como os campos gerais da zona do cerrado, ou encantadora e fascinante como a área do Pantanal, parece algo natural, que sempre existiu e para sempre existirá.
Este romance arrebatador comprova a vigorosa conquista, pela escritora mato-grossense, de posição muito pessoal no cenário da moderna literatura brasileira. Narrativa de sabor autobiográfi co, repleta de incidentes dramáticos, de evocações entre realistas e fantásticas, O berro do cordeiro em Nova York é um romance que marcará profundamente o coração e a memória de todos os leitores sensíveis.
Ênio Silveira

Aqui, Tereza e Hamlet, numa odisseia literária que concluem um drama com um berro ou um silêncio; um berro sepulcral, um silêncio sepulcral tendo sido testemunha de um mundo onde as pessoas viveram de complôs e, por causa deles, lutaram, mataram uns aos outros e sofreram com a intervenção divina ou simplesmente a do tempo. Ela quis construir um mundo melhor. Muitos querem somente sair de mãos lavadas. Tereza Albues é uma escritora fenomenal.
Gerald Thomas

São tão fortes as raízes que a prendem a um cenário de riqueza natural exuberante, tão intensas as lembranças dos dramas familiares e pessoais que emanam da coisificação dos seres humanos, num tipo de sociedade em que o poder de grandes proprietários rurais estabelecia as regras do jogo e impunha aviltante pobreza a seus vassalos, que a narradora frequentemente sente ganas de berrar, de liberar onde quer que esteja o grito primevo que das entranhas lhe vem à garganta, mesclando dor e desafio, frustração e ódio, angustiado desprezo e discutível vitória... Tereza Albues consegue um grande feito literário: sua prosa toma conta de nós e, com a força incontrolável de uma corredeira, leva-nos a percorrer em arrebatadora velocidade um percurso existencial repleto de paixão e fúria...
Ênio Silveira

Indique esse livro

TEREZA ALBUES

Tereza Albues nasceu em Várzea Grande, Estado de Mato Grosso, em 24 de agosto de 1936. Graduou-se em Direito, em Letras e em Jornalismo pela UFRJ. Escreveu toda a sua obra em São Francisco e Nova York, onde viveu por 25 anos. Seus primeiros romances são ambientados nas planícies pantaneiras, no centro da América do Sul, onde nasceu.

O berro do cordeiro em Nova York, romance visceral, reuniu em dimensão real e fantástica as suas dramáticas vivências em Mato Grosso, Rio de Janeiro e Estados Unidos. Gerald Thomas, diretor de teatro e ópera, disse que “Tereza é uma escritora fenomenal”, “é um terremoto literário”. Ênio Silveira, importante editor brasileiro que publicou seus primeiros livros, registrou que Tereza “tanto pode ser vista como escritora quanto uma força da natureza”, por sua prosa de ficção ser tão rica e surpreendente.

Deixou como legado obra importante para a literatura brasileira com vários livros ainda inéditos. Faleceu em Nova York em 5 de outubro de 2005. Em 2013 Tereza Albues foi escolhida como Patrona Perpétua das Letras Brasileiras em Nova York, pelo BEA (Brazilian Endowment for the Arts).

Formas de Entrega

Formas de Pagamento

Cartões de Crédito

Débito Automático

Boleto bancário

e-box ShopSitevip Internet