Mostrando 91 - 105 produto(s) do total de 112 disponíveis.

Ordenar por: Produtos Valor
  • R$ 28,90 
    VARINHAS MÁGICAS

    VARINHAS MÁGICAS

    LAIS AMICUCCI SOARES MARTINSMÁRCIO AURÉLIO SANTOS - ilustrador

    Este livro-poema-síntese propõe um novo olhar sobre o poder mágico que cada um dos seres humanos sobre a Terra traz dentro de si: o de transformar a realidade indesejada. Este livro-poema, legado de uma adolescente conectada às questões do seu tempo, encerra uma daquelas ideias tão fortes que não podem ser caladas. Ela ‘enxergou’ a vida por um prisma incomum para sua idade: o do movimento, da ação. E tinha o desejo de compartilhar. (Maria Teresa Carrión Carracedo, editora da Entrelinhas)[+]

  • R$ 40,00 
    VESTIDA DE PRETO & OUTRA CRÔNICAS

    VESTIDA DE PRETO & OUTRA CRÔNICAS

    MARINALDO CUSTÓDIO

    “Vestida de preto & outras crônicas é um livro sobre andanças e observações. Poderia ser de reportagens, se assim o cronista quisesse. Mas Marinaldo olha o mundo com visão aguçada de repórter e ao mesmo tempo dá de ombros aos dogmas do bom jornalismo. Experiente revisor dos principais veículos de Mato Grosso, sabe como poucos identificar o que é notícia. Usa seu faro, no entanto, no rumo oposto, esmiuçando o que não “merece” ser noticiado.[+]

  • R$ 30,00 
    R$ 14,90
    Valor sugerido: R$ 14,90 Amazon Itunes Google Livraria Cultura Wook
    VIAGENS INVENTADAS - Crônicas e quase contos

    VIAGENS INVENTADAS
    Crônicas e quase contos

    MARINALDO CUSTÓDIO

    Do registro entre o real e o imaginário, das estradas percorridas entre o Oeste paulista e Mato Grosso, faz-se este Viagens Inventadas: crônicas e quase contos. Mas faz-se também, muito, de gente andando pelas ruas, de mesa de bar, de coisas e personagens relacionados a universidades, bancas de jornal e revista, livrarias, cafés, redação de jornal e, principalmente, de música popular – englobando todas as modalidades, da MPB ao rock rural, do romântico brega ao caipira (ou sertanejo).[+]

  • R$ 60,00 
    VILA BELA DA SANTÍSSIMA TRINDADE</br>A pérola negra de Mato Grosso

    VILA BELA DA SANTÍSSIMA TRINDADE
    A pérola negra de Mato Grosso

    MARIA DE LOURDES BANDEIRAMARLENE GONÇALVESSUZE S. OLIVEIRA

    Este livro apresenta o levantamento de bens imateriais da primeira capital de Mato Grosso no período colonial. Vila Bela da Santíssima Trindade – a pérola negra de Mato Grosso –, com sua história e cultura singulares, manteve viva manifestações culturais de grande valor simbólico. A pesquisa, resultado de parcerias institucionais – Fórum de Entidades Negras de Vila Bela da Santíssima Trindade, Secretaria de Estado de Cultura, Iphan-MT e Universidade Federal de Mato Grosso – oferece o subsídio necessário para a proteção, preservação e divulgação deste inigualável patrimônio imaterial. Quer conhecer Vila Bela da Santíssima Trindade? Preparado(a) para essa viagem de descobertas? Então vamos!!![+]

  • R$ 50,00 
    ZULMIRA CANAVARROS - A Egéria Cuiabana

    ZULMIRA CANAVARROS
    A Egéria Cuiabana

    BENEDITO PEDRO DORILEO

    Este novo livro – Zulmira Canavarros, a Egéria Cuiabana – vem celebrar os 120 anos do seu nascimento, ocorrido em 14 de novembro de 1895. Há enriquecimento de longo testemunho a complementar o primeiro. Desde o começo nenhuma referência precedente havia, nada escrito existia. O que se lavrou foi o ato de ver em tempo real, conviver, sentir, compartilhar – nas tertúlias ou nas rodas da varanda e nas de cadeiras na calçada de casa –, adicionando ainda depoimentos de companheiros e amigos da época, os quais já deixaram a existência.[+]

  • MÁRCIO AURÉLIO - [ Reflexões Telúricas | Telluric Reflections ]

    MÁRCIO AURÉLIO
    [ Reflexões Telúricas | Telluric Reflections ]

    ALINE FIGUEIREDO

    Acreditamos seja Marcio Aurélio um instrumento catalisador entre a memória popular, atual, e a expressão erudita no processo criativo que motiva e estende a compreensão contemporânea da arte. (Aline Figueiredo)

    Seu nome é delicadeza. O nome da sua arte é delicadeza.
    Gosto de visitá-lo. Gosto de visitar o menino que quase apanhou do pai quando, à beira de um rio, em vez de pescar ficava lixando as pedras de piçarra para dar formas que vinham lá de dentro de si. (Ivens Cuiabano Scaff)[+]

  • Produto Indisponível 
    CENTRO HISTÓRICO DE CUIABÁ - Patrimônio do Brasil

    CENTRO HISTÓRICO DE CUIABÁ
    Patrimônio do Brasil

    CLAUDIO QUOOS CONTEMARCUS VINÍCIUS DE LAMONICA

    Este guia contém informações sobre preservação do patrimônio histórico, artístico e cultural de Cuiabá, na perspectiva da Legislação Federal. Traz, também, esclarecimentos de caráter geral sobre o que vem a ser tombamento, quais os seus objetivos, o que pode ser tombado, como acontece esse processo e quais as competências dos Governos Federal, Estadual e Municipais.[+]

  • Produto Indisponível 
    CULTURA MATO-GROSSENSE - Festas de santos e outras tradições

    CULTURA MATO-GROSSENSE
    Festas de santos e outras tradições

    ROBERTO LOUREIRO

    “Este é um livro que expõe paradoxos. Em suas páginas estão a simplicidade-complexidade, rusticidade-sofisticação de parte significativa da cultura popular mato-grossense, expressas em suas manifestações materiais e imateriais. [...] O autor Roberto Loureiro elaborou um competente trabalho de síntese, tendo como eixo norteador o universo das festas de santos, com o valor e a profundidade de ser um dos atores que chama outros de genuína representatividade e às suas vozes dá audição. Ele conhece bem o palco e a audiência. Teve o cuidado extremo de traduzir e organizar as informações que recebeu com o zelo de um tradutor juramentado.[+]

  • DALVA DE BARROS  - 80 anos

    DALVA DE BARROS
    80 anos

    MAGNA DOMINGOS - organizadora

    [...] A pintura de Dalva parte sempre de uma história, seja ela corriqueira ou memorável, mas é a partir da narrativa que a plástica acontece. Porém, vale dizer que a narrativa é sempre superada pela plástica. Além do que, a visão um tanto deformada e bastante original do seu realismo ingênuo reforça a autenticidade expressiva. [...] A naturalidade com que Dalva compõe a cena expressiva é inigualável. Ela não se inibe e nem se furta em, quando julga necessário, […][+]

  • DECLARAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS - SOBRE OS DIREITOS DOS POVOS INDÍGENAS

    DECLARAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS
    SOBRE OS DIREITOS DOS POVOS INDÍGENAS

    ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS

    "Por meio de seus artigos, indígenas e não indígenas tomarão conhecimento dos propósitos e princípios da Carta das Nações Unidas sobre os Direitos dos Povos Indígenas, afirmando a necessidade de serem respeitados na sua diferença. A Declaração traz, em seu bojo, entre outros aspectos, a reafirmação da democracia dos direitos legais; a preocupação com as injustiças históricas; o reconhecimento de promover os direitos intrínseco dos povos indígenas; a consolidação da organização política, social, econômica e cultural; o direito aos territórios e suas terras tradicionais; o reconhecimento às culturas e às práticas tradicionais indígenas; o direito à educação escolar específica e intercultural; o respeito aos direitos humanos e à autodeterminação." (Elias Januário)[+]

  • Produto Indisponível 
    FRAGMENTOS DA ALMA MATO-GROSSENSE

    FRAGMENTOS DA ALMA MATO-GROSSENSE

    MARIA TERESA CARRIÓN CARRACEDO - organizadora

    Antologia que reúne os poetas Manoel de Barros, Silva Freire, Wlademir Dias Pino, Lucinda Persona e Ivens Scaff, além do escritor Ricardo Guilherme Dicke. Na introdução ao livro, a organizadora Maria Teresa Carrión Carracedo, registra, sobre o olhar que norteou a seleção, principalmente da produção poética: “Esta antologia apresenta a ponta do novelo-de-ouro da literatura mato-grossense contemporânea. É uma amostra da poesia & prosa que nasce com força e vitalidade das entranhas desta terra/mata/água/sol a pino-geodésico.[+]

Mostrando 91 - 105 produto(s) do total de 112 disponíveis.

Formas de Entrega

Formas de Pagamento

Cartões de Crédito

Débito Automático

Boleto bancário

e-box ShopSitevip Internet